Criminal Profiling

&

Behavioral Analysis

 

 

“O Criminal Profiling ou Perfilação é o processo de observação e
reflexão com base na análise das evidências coletadas na cena do crime. A técnica de criação de perfil visa identificar e interpretar o comportamento ou as ações do crime com o objetivo de prever a personalidade do infrator, seu modus operandi e, possivelmente, as motivações para o crime.

O objetivo da definição de perfil é, no entanto, não apenas obter uma possível identificação de características importantes do ofensor, mas também evitar a repetição de crimes  semelhantes no futuro

Criminal Profiling – Entrevista Investigativa, apresentado no canal Entrevistador Forense

Introdução ao Criminal Profiling – Microlearning Ementa

FORENSICCON 2022 – CRIMINAL PROFILING APLICADO NO CONTEXTO DE INVESTIGAÇÃO DE CRIMES SEXUAIS ONLINE

Investigação de abuso sexual infantil na internet

Live lançamento da Masterclass “Introdução em Criminal Profiling”

Assassinato em Série – Perspectivas multidisciplinares para investigadores (FBI)

 

“Muito do conhecimento do público em geral a respeito do assassinato em série é produto das produções de Hollywood. Os enredos são criados para aumentar o interesse do público, em vez de retratar com precisão o assassinato em série. Ao se concentrar nas atrocidades infligidas às vítimas por criminosos “loucos”, o público é cativado pelos criminosos e seus crimes. Isso só dá mais confusão à verdadeira dinâmica do assassinato em série.

 

Os profissionais da aplicação da lei estão sujeitos à mesma desinformação de uma fonte diferente: o uso de informações anedóticas. Profissionais envolvidos em casos de assassinato em série, como investigadores, promotores e patologistas podem ter exposição limitada ao assassinato em série. A experiência deles pode ser baseada em uma única série de assassinatos, e os fatores nesse caso são extrapolados para outros assassinatos em série. Como resultado, certos estereótipos e equívocos criam raízes em relação à natureza do assassinato em série e as características dos assassinos em série.

 

Uma tendência crescente que aumenta as falácias em torno do assassinato em série é o fenômeno das cabeças falantes . Dada a credibilidade da mídia, essas autoridades autoproclamadas afirmam ter experiência em assassinatos em série. Aparecem com frequência na televisão e na mídia impressa e especulam sobre o motivo dos assassinatos e as características do possível infrator, sem ter conhecimento dos fatos da investigação. Infelizmente, comentários inadequados podem perpetuar percepções errôneas sobre assassinato em série e prejudicar os esforços de investigação da aplicação da lei. Foi decidido pela maioria dos presentes emitir uma declaração formal de posição a respeito do uso que a mídia faz desse tipo de pessoa.”

Petter Anderson Lopes

Petter Anderson Lopes

Perito Judicial em Forense Digital, Criminal Profiling & Behavioral Analysis

CEO da PERITUM – Consultoria e Treinamento LTDA.

Computação Forense, Digital Forensics and Fraud Investigation | Criminal Profiling - Behavioral Analysis

Intelligence and Information and Cyber Security | CPME | Autor e Professor

Certified Criminal Profiling pela Heritage University(EUA) e Behavior & Law(Espanha), coordenado por Mark Safarik ex diretor da Unidade de Análise Comportamental do FBI, endossado pela CPBA (Criminal Profiling & Behavioral Analysis International Group).

Certificado Practitioner em Microexpressões Faciais (C|PME método FACS, Paul Ekman).

Certificado Forensic Psychology (Psicologia Forense, Entrevista Cognitiva) pela The Open University.

Certificado pela ACE AccessData Certified Examiner e Rochester Institute of Technology em Computer Forensics. Certificado Especialista em Desenvolvimento pela Microsoft MCP.

CBO 2041-10  "Elaboram laudo pericial, organizando provas e determinando as causas dos fatos. Realizam diligências, examinando locais, buscando evidências, selecionando e coletando indícios materiais e encaminhando peças para exames com ou sem quesitos. Analisam provas, peças, materiais, documentos e outros vestígios relacionados aos fatos. Efetuam cálculos, medições, assim como, solicitam e/ou realizam ensaios laboratoriais, utilizando e desenvolvendo técnicas e métodos científicos"

Quem utiliza o Criminal Profiling?

Scotland Yard
South African Police Service